domingo, 23 de outubro de 2011


Rock
O rock é o desespero,
Como se eles estivessem não apenas no fim de um século
Mas no fim do mundo e, por isso,
Berram em vez de cantar,
Pulam em vez de dançar,
Estupram-se em vez de simplesmente se amarem...
E fazem de tudo, tudo,
No seu suicídio coletivo!
[Mario Quintana; Velório sem defunto, 1990]

Nenhum comentário:

Postar um comentário