segunda-feira, 25 de abril de 2011

Nem Um Dia

Um dia frio
um bom lugar pra ler um livro
e o pensamento lá em você

Eu sem você não vivo

Um dia triste
Toda a fragilidade incide
e o pensamento lá em você
e tudo me divide

Longe da felicidade
e todas as suas luzes
Te desejo como ao ar
Mais que tudo
És manhã
na natureza das flores
Mesmo por toda a riqueza
dos shakes árabes
Não te esquecerei um dia
Nem um dia
Espero com a força do pensamento
Recriar a luz que me trará você
E tudo nascerá mais belo
O verde faz do azul com amarelo
O elo com todas as cores
Pra enfeitar amores gris...

(Djavan)

Nenhum comentário:

Postar um comentário