segunda-feira, 25 de abril de 2011

A NOITE DO MEU BEM







Hoje eu quero a rosa mais linda que houver

E a primeira estrela que vier

Para enfeitar a noite do meu bem

Hoje eu quero a paz de criança dormindo

E o abandono de flores se abrindo

Para enfeitar a noite do meu bem

Quero a alegria de um barco voltando

Quero a ternura de mãos se encontrando

Para enfeitar a noite do meu bem






Ah! eu quero o amor o amor mais profundo

Eu quero toda beleza do mundo

Para enfeitar a noite do meu bem

Ah! como este bem demorou a chegar

Eu já nem sei se terei no olhar

Toda ternura que eu quero lhe dar.

(Dolores Duran)

Nenhum comentário:

Postar um comentário