segunda-feira, 25 de abril de 2011

Peixe Vivo

A minha alma chorou tanto,
Que de pranto está vazia
Desde que aqui fiquei,
Sem a tua companhia

Não há pranto sem saudade
Nem amor sem alegria
É por isso que eu reclamo
Essa tua companhia

Como pode um peixe vivo
Viver fora da água fria?
Não há pranto sem saudade
Nem amor sem alegria
É por isso que eu reclamo
Essa tua companhia

Como poderei viver
Como poderei viver
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia?

E é por isso que eu reclamo
Essa tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia?
E é por isso que eu reclamo
Essa tua companhia

(Autoria: Milton Nascimento)

Nenhum comentário:

Postar um comentário