quarta-feira, 16 de maio de 2012

Dinâmicas de Leitura para sala de aula

SURPRESA!

a) O Professor indica um aluno para:
l) elaborar uma pergunta sobre o texto;
2) indicar um colega para responder a esta pergunta.

b) Surpresa - O Professor diz que o próprio aluno que elaborou a pergunta deverá respondê-la.
Observações:
la) O Professor poderá dar continuidade à Dinâmica alternando a "surpresa" (ou seja, a resposta dada pelo próprio aluno que elaborou a pergunta) com a resposta na forma indicada pelo aluno (ou seja, a resposta dada pelo colega indicado pelo aluno que elaborou a pergunta);
2a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.


PAR OU ÍMPAR?

a) O Professor prepara papeletas numeradas de l a 10;
b) O Professor solicita a alguns alunos que sor¬teiem as papeletas;
c) Caso o aluno sorteie uma papeleta com nú¬mero par, deverá elaborar uma pergunta ou exercício sobre o texto e respondê-los. Caso o aluno sorteie uma papeleta com nú¬mero ímpar, deverá elaborar uma pergunta ou exercício sobre o texto e indicar um cole¬ga, que irá respondê-los.
Observações:
1a) A Dinâmica poderá ter continuidade com novos sorteios;
2a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.


ATENÇÃO À RESPOSTA E À OPINIÃO

a) O Professor faz uma pergunta sobre o texto e solicita a um aluno que a responda;
b) O Professor solicita a um segundo aluno que diga se concorda ou não com a respos¬ta do colega e por quê;
c) O Professor solicita a um terceiro aluno que:
l) repita a reposta do primeiro colega e a opi¬nião do segundo;
2) diga se concorda ou não com a opinião do segundo colega e por quê.
Observações:
1a) A Dinâmica poderá ter continuidade com uma nova pergunta;
2a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.


CORRIJA A CORREÇÃO

a) O Professor faz uma pergunta sobre o texto e solicita a um aluno que a responda;
b) O Professor solicita a um segundo aluno que diga (expressando-se, apenas, com sim ou não, se a resposta do colega está ou não correta);
c) O Professor solicita a um terceiro aluno que diga se a correção da resposta feita pelo co¬lega (o segundo aluno) está ou não certa e por quê?
Observações:
1a) A Dinâmica poderá ter continuidade com uma nova pergunta;
2a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.


GANHA A MELHOR CORREÇÃO

a) O Professor explica que cada fileira de alunos constitui um grupo, atribuindo um número ou letra de identificação a cada uma;
b) O Professor solicita que todos os alunos res¬pondam a questões sobre o texto, por escri¬to, numa papeleta;
c) O Professor indica, em cada grupo, um aluno para exercer a função de corrigir as respos¬tas dos colegas, escrevendo certo ou errado em cada papeleta;
d) O Professor solicita aos alunos que corrigiram que leiam as respostas e a correção feita,
e) O Professor atribuirá pontos às correções fei¬tas de maneira certa, ganhando o grupo que fizer maior número de pontos.
Observações:
la) Para que a leitura das respostas pelos alunos que fizeram a sua correção não se torne excessivamente repetitiva, o Professor poderá va¬riar as questões entre os diversos grupos;
2a) A Dinâmica poderá ter continuidade com novas questões;
3a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.

LOCALIZE A INFORMAÇÃO NO TEXTO

a) O Professor solicita a um aluno que fale, sem consultar o texto lido, uma idéia ou informação que tenha considerado significativa;
b) O Professor solicita a outro aluno que, con¬sultando o texto, escolha e leia o trecho que, na sua opinião, melhor expresse (de maneira mais clara e direta) a idéia ou informação apresentada pelo colega.
Observações;
1a) A Dinâmica poderá ter continuidade com a solicitação de uma nova idéia ou informação;
2a) Professor e alunos poderão comentar a expe¬riência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.

EXPLIQUE O QUE FOI LIDO

a) O Professor solicita a um aluno que, consultando o texto lido, escolha um trecho e leia em voz alta;
b) O Professor solicita a um segundo aluno que, sem recorrer à leitura do texto, explique, da maneira mais clara possível, as idéias ou informações do trecho lido pelo colega. Este aluno, se quiser, poderá, também, usar exemplos ou escrever esquemas no quadro, ou fazer desenhos de figuras ou sinais, ou, ainda, usar objetos como apoio à sua explicação.
Observações;
1a) A Dinâmica poderá ter continuidade com a leitura de um novo trecho;
2a) Professor e alunos poderão comentar a experiência, observando contribuições à aprendizagem e manifestando percepções pessoais.

RANGEL, Mary. Dinâmicas de leituras para sala de aula. 17ª ed. Rio de Janeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário